quinta-feira, 31 de julho de 2014

Perdão

É tão fácil para nós pensar que estamos sem esperança. Cometemos erros todos os dias. Vivemos em um mundo que se deleita no pecado. Mas, podemos encontrar perdão em Deus.


Embora tenhamos sido ordenados a viver no mundo e não ser do mundo esta é uma tarefa difícil e por vezes cedemos à tentação. Alguns pecados são muitas vezes pequenos e outros difíceis de resistir. A coisa importante de lembrar-se é que o caminho para o arrependimento está sempre aberto para nós, em todos os meses do ano, 24 horas por dia. Andar por esse caminho não nos torna perfeitos, mas nos leva na direção certa.
  • Poucos de nós vão direto para uma vida de transgressão grave. Isso acontece de forma gradual. Como o sapo na panela de água fria. Se você elevar a temperatura da água apenas um grau por hora, o sapo vai se adaptar à temperatura sem perceber que a água está muito quente, até que seja tarde demais. Esse mesmo processo se aplica a nós e seria sensato nos arrepender a cada erro e não esperar até que seja tarde para ver que o que estamos fazendo é errado.
    Os passos são fáceis de seguir:

    1. Reconhecimento

    Reconhecer que o que você está fazendo é errado. Você pode se perguntar: "O que Jesus faria?" Ou você pode apenas medir a verdadeira felicidade que seu comportamento está trazendo. Existe algum tipo de culpa envolvida? Existe uma voz de advertência me alertando? Neste caso, ouça e reconheça.

    2. Tristeza

    Sentir tristeza pelo seu pecado é um passo importante para mostrar a Deus que você é sincero. Ele quer ver que você esteja arrependido. Diga-lhe que está.

    3. Pedir perdão

    Peça perdão em nome de seu Salvador, Jesus Cristo, pelo que você tem feito e peça para ser perdoado, acreditando que será. Temos a promessa nas escrituras que seremos perdoados se estivermos verdadeiramente arrependidos.

    4. Faça a restituição

    Se tivermos sido injustos com alguém, incluindo nós mesmos, precisamos oferecer a restituição. Se ofendermos ou magoarmos alguém, devemos pedir perdão. Se roubarmos, devemos devolver ou compensar. Se quebrarmos, devemos consertar ou substituir. Devemos fazer tudo ao nosso alcance para compensar nossas falhas.

    5. Perdoar a nós mesmos

    Esta é uma questão difícil, a maioria de nós tende a continuar a culpar-se por sua tolice ou fraqueza. O problema com isso é que, às vezes, nós voltamos às más condutas porque não acreditamos que fomos perdoados pelo nosso Deus e assim nunca, realmente, perdoamos a nós mesmos.

    6. Abandonar nossos pecados

    Este processo não está verdadeiramente completo até que abandonemos nossos pecados. Precisamos fechar a porta e nunca mais abri-la novamente. Isso é difícil quando é um pecado favorito...aquele que você ainda pensa em voltar a cometer apenas mais uma vez. Mas precisamos voltar às costas a ele e ignorar a tentação de pecar novamente.
    A maioria de nós acredita em Jesus Cristo, mas o que realmente precisamos fazer é ter fé nele. Acreditar no que ele nos disse por palavra e pelo exemplo nas escrituras. Há muitos casos em que Ele nos mostrou sua misericórdia. No entanto, muitas vezes, acreditamos que isso é para os outros e não se aplica a nós. Mas, se aplica a nós sim. Devemos acreditar nele e ter fé nele.
    Quantas vezes podemos pecar e ser perdoados. Diz a escritura "até setenta vezes sete", mas este não é o limite. Sempre seremos perdoados se estivermos verdadeiramente arrependidos e seguirmos os passos dados anteriormente.
    O Salvador quer nos perdoar. Ele espera que tenhamos nossos corações quebrantados e desejo de nos curar. É a razão pela qual Ele veio e expiou pelos pecados. Não podemos perder o poder da expiação, porque não vemos uma saída no momento. Devemos crer Nele e acreditar em suas palavras. Ele sempre está lá para nós e pronto a perdoar.
  • Traduzido e adaptado por Stael Metzger do original You will never be beyond forgiveness, de Rebecca Rickman.

18 comentários:

  1. é bom ler e refletir sobre esses assuntos, a paz, acompanhando :)

    ResponderExcluir
  2. O Senhor sempre de braços abertos para nos perdoar!Bela mensagem!Paz!

    ResponderExcluir
  3. Isso é o evangelho! Reflexão de vida profunda, geradora de mudanças. Deus seja glorificado!

    ResponderExcluir
  4. É impressão minha ou Johann Von Goethe ignora o fato de que sim, Deus não nos criou exatamente como somos hoje? Segundo as escrituras Deus nos criou a sua imagem e semelhança, mas... Nós decidimos nos tornar outra coisa diferente do que Deus planejou para nós. Isso foi quando o homem pecou e perdeu a imagem e semelhança de Deus em sua vida. Glória Deus! Jesus veio para que fôssemos recriados a imagem e semelhança dele! E ainda não se manifestou o que haveremos de ser, mas quando Ele se manifestar seremos semelhantes a Ele. Enquanto hoje estamos sendo recriados. Deus não nos criou exatamente como somos hoje. Se for uma impressão equivocada sobre o que Johann disse me perdoem. E me esclareçam. :D Eu sou péssimo com frases fora do contexto. O que sei é que o Novo Testamento está cheio de textos que dizem “transformai-vos, novo nascimento, nova criatura...”, essas coisas.
    Como sempre arrasando nos textos. ;) Parabéns.

    ResponderExcluir
  5. Lindo post,, perdoar nem sempre é facil, mas necessario, para manter o coração limpo. Beijinhos
    #ClickFB
    http://dicasfemininasetc.com/

    ResponderExcluir
  6. A Bíblia diz que as misericórdias do Senhor se renovam a cada nova manhã, Ele está sempre disposto a perdoar. E tão bom saber que Ele me ama tanto! :D *-*
    Deus abençoe!

    ResponderExcluir
  7. Nossa, Vanderléia, este é um dos assuntos mais difíceis a abordarmos em se tratando de vida, e principalmente vida cristã. Perdoar é libertados, tanto para quem é perdoado, quanto para quem perdoa.
    Tenha um excelente domingo, e uma semana abençoada!! Bjobjo!!
    Alê
    #ClickFB
    http://www.divatododia.com.br

    ResponderExcluir
  8. Paz de Cristo, Vanderleia. Tem muita gente por aí que usa a desculpa da 'Gabriela': Eu nasci assim, eu cresci assim, eu sou assim. Mas quando entendemos que Deus pode mudar nossa história, reconhecemos nossos erros e buscamos o auxílio do Espírito Santo, somos transformados de glória em glória. Deus te abençoe sempre!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Fe, pela visita, Deus te abençoe.

      Excluir
  9. Uau... asunto muito delicado, né?
    Perdoar (de coração) é tão difícil. :(
    Seu texto mexeu demais comigo, amore... Como sempre.

    Beijinhos

    ResponderExcluir
  10. Essa questão é bem complicada . Pecar é humano todos estamos a mercê dos erros . A questão é que Deus sempre está disposto a nos perdoar , o problema é a gente se perdoar e deixar de fazer aquilo que não lhe agrada . Ótimo post :)

    Beijos Ana #ClickFB
    http://blog-princesadosenhor.blogspot.com.br/2014/07/promocao-entre-nessa-festa-o.html

    ResponderExcluir
  11. Perdão e uma palavra que todos deveriam ter todos os dias no seu coração mas nem todos tem, até os propios crentes digo crentes pois aqueles que são salvos e lavados com o sangue de Jesus estes sim tem esta palvra no seu coração. Jesus perdoou porque nós não podemos perdoar tambem. Jesus falo na sua palavra perdoar uns aos outros como eu tenho vos perdoados, Deus continue te usando irma vanderleia.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada irmão Deno pelo comentário!
      Deus nos abençoe.

      Excluir
  12. Devemos em todo tempo perdoar para que sejamos perdoados.
    Lembra da oração do "Pai nosso" Ensinada por Jesus?
    Ela diz:
    Perdoa as nossas ofensas, assim como nós perdoamos a quem tem nos ofendido.
    Então isso noz diz que para sermos perdoados temos que ser perdoar.

    Belos ensinamentos parabéns!
    Abraço.

    ResponderExcluir
  13. Pedir perdão é sempre uma das coisas mais difíceis..mas é mais fácil que perdoar!!
    #ClickFB

    ResponderExcluir