domingo, 22 de março de 2015

Livramento

Meu testemunho de hoje:

Logo cedo, como de costume saímos para a EBD.
Menos de 1 min que entramos no carro, minha filha foi ferroada por uma abelha que estava no cinto do carro. Assim que ela gritou, paramos o carro e voltamos para dar um remédio, pois ela é alérgica a picada de inseto. Até ai achávamos que tudo estava normal. Ao chegar a igreja ela já estava toda vermelha, a picada foi no pescoço, o vermelho era tão forte que parecia queimadura.
O normal seria as crianças irem para suas classes separada da dos adultos, mas hoje o pastor pediu que todos ficassem juntos, a lição era sobre autoridade dos pais.
Assim que começou minha filha foi ao banheiro e fui atrás ai ela me disse que estava gripando, pois tinha dificuldade em respirar. Imediatamente a levei à farmácia.Quando o farmacêutico a examinou mandou que a levasse imediatamente ao hospital e solicitasse do médico adrenalina, nesse momento da cintura pra cima já estava toda vermelha da intoxicação e com uma acentuada falta de ar.
Assim que o médico a examinou passou uma injeção e pediu que ficasse em observação.
Para glória do nome do Senhor não foi preciso da adrenalina.
E ele disse que se passasse um pouco mais de tempo ela teria uma parada respiratória.
No mesmo instante que vejo a mão de Deus sobre ela, vejo a ira de satanás, pois hoje era nosso primeiro dia de evangelismo.
Enfim, minha filha está bem, e o evangelismo foi feito.
E o nome do Senhor foi glorificado duas vezes!

4 comentários:

  1. Glória a Deus por esse testemunho e por esse livramento maravilhoso da parte de Deus.
    Ainda bem que temos o Senhor todo poderoso em nosso favor, não temos o que temer.Que Deus abençoe grandiosamente a sua família irmã Vanderléia.
    Abraço!

    ResponderExcluir
  2. Vanderleia belo testemunho que o Deus todo poderoso possa estar abençoado vc e toda sua família 👪 todos os dias de sua vida
    Lenbre-se sempre Deus é fiél
    Ele me curou de cancer

    ResponderExcluir
  3. Mais uma derrota pro inferno! Glória a Deus!

    ResponderExcluir